STUDIO Z

STUDIO Z

O STUDIO Z nasce da iniciativa do músico / compositor e engenheiro de som autodidata Thiago Albuquerque e do empresário e fomentador da Cultura, Ná Figueredo. atualmente vem realizando vários projetos musicais de excelente qualidade técnica e musical

 

O projeto do Studio Z nasce da iniciativa do músico / compositor e engenheiro de som autodidata Thiago Albuquerque que atua na área há mais de 12 anos. Seu bom gosto musical e experiência em estúdio, deu início a uma parceria com outro grande apaixonado pela música, o empresário e fomentador da Cultura, Ná Figueredo. Essa parceria resultou na concretização de um estúdio bem estruturado e bem localizado que vem realizando vários projetos musicais de excelente qualidade técnica e musical. Nesta edição especial da PZZ, selecionamos alguns dos artistas que realizaram serviços no Studio Z:

 

JOSIBIAS DOS SANTOS RIBEIRO

Trombonista, Pianista popular, Arranjador e Compositor. Bacharel em trombone pela Universidade do Estado do Para (2005); Pos Graduando em Arte e Educacao pelo Centro Universitario Leonardo da Vinci -UNIASSELVI; Integrante da Amazônia Jazz Band (2000 até os dias atuais). Trombonista integrante do Projeto Social “Jovens Talentos” desde 2014 até hoje, ministrando aulas no interior do Estado (PA). Participação em inúmeros Concertos Didáticos, em escolas Públicas e Teatros, organizados Pela Secretaria de Cultura (SECULT/PA). Já gravou e tocou com vários artistas renomados, como Sandra de Sá (show), Billy Blanco,(DVD), Nosso Tom (DVD), Mundo Mambo (shows e CD), Fruta Quente (shows e DVD), Marco Monteiro (shows e CD), Almirzinho Gabriel (CD’s), Lia Sophia (Shows, CD’s e Clip), Mg Calibre (Shows e CD), Banda Calipso (DVD), Manoel e Felipe Cordeiro (Shows), Ney Conceição (shows), Rafael Lima (shows), dentre outros. Como compositor participou de duas edições do Festival de Música Instrumental do Amapá, sendo premiado em terceiro lugar com a música “Ver-o-rio”. Desenvolveu arranjos para Amazonia Jazz Band, Banda Sinfônica do Conservatório Carlos Gomes e vários outros grupos. Em 2009 produziu e arranjou o Show instrumental “Latin Jazz”, o qual reuniu grandes clássicos da música latina instrumental. Em 2015 produziu e arranjou o CD “Amazônia Lounge” de Joelma Kláudia, a ser lancado no segundo semestre de 2016.


Falando sobre o meu mais novo projeto , E AÍ, NEGÃO? Que é um disco autoral de música instrumental pop com ênfase em melodias simples. A proposta é colocar o trombone em evidência, o balanço , groove, solos empolgantes e bastante performance no palco e em estilos musicais já consagrados como rock, black music ,reggae , skar e um pouco de regionalismo apimentando tudo isso!, quero também ressaltar que nesse trabalho tenho como parceiros grandes músicos, produtores , e artistas como: no baixo elétrico Meireles; guitarra Davi Amorim e Tiago Belém na batera que gravaram e ajudaram a produzir a concepção desse disco e eu, nego Jô, no trombone, teclados, produção, arranjo e composição. Além desse amigos tenho como parceiros o estudio Z , do Thiago Albuquerque, Ná Figueiredo , MG calibre e Pipira do Trombone. O lançamento previsto para abril de 2016!

 

 

LARI XAVIER

Musicista nascida e residente em Belém, integrou a banda “La Orchestra Invisível”, formada em 2009, que lançou dois EPs desde então, Primeiro em 2010 e Tratado do Vazio Perfeito em 2012, o grupo é também integrado por Marcelo Kahwage, Daniel Souza e Helenio César. Os dois EPs podem ser baixados no blog http://laorchestrainvisvel.blogspot.com.br/.
Em 2012 também passou a integrar o grupo “A Volta do Astronauta”, acompanhada pelos músicos, Emanuel Paz, Bruno Oliveira e Ricardo Maradei, que lançou em 2014 um álbum com o mesmo nome. O trabalho pode ser ouvido no endereçohttps://soundcloud.com/avoltadoastronauta.
Em ambos os projetos atuou como cantora compositora e instrumentista (violão, guitarra, teclado, ukelelê).
Atualmente volta-se para carreira solo, buscando ampliar seus horizontes como musicista. Finalizou um EP intitulado “Alguém”, que foi lançado virtualmente dia 20 de Fevereiro desse ano na sua página do Facebook. O EP trás influências do pop e rock sessentista que faziam parte de suas composições nas bandas, porém com a mistura a nuances mais contemporâneas, passando pelo folk rock, indie rock e eletrônico. Com letras sinceras e linhas melódicas cativantes, o EP “Alguém” tem alcançado uma boa recepção junto ao público desde seu lançamento.

Para ouvir acesse:

https://www.facebook.com/laaarixavier
https://soundcloud.com/lari-xavier

 

 

LÍVIA MENDES

Lívia Mendes é uma das vozes que surgem agora no tecido artístico do Pará. Aos 28 anos, a cantora apresenta um projeto que une universalidade e experiências sonoras regionais, numa mistura de música pop e folk, com a presença constante da sonoridade do violão, do ukulele e do violino. Influenciada por bandas indie, folk e pela Jovem Guarda, Lívia compõe suas próprias canções, tem dois singles lançados tocando em rádios de Belém e prepara o lançamento de seu primeiro EP para 2016.
Nascida em Belém do Pará, começou a cantar aos 8 anos em apresentações familiares. Aos 13, já tocando violão, começou a compor timidamente. Durante uma temporada de dois anos na Europa, a cantora estudou Canto Popular e Violão. De volta ao Brasil, já aos 18 anos, Lívia emplacou uma carreira na noite belenense tocando nos bares da cidade, onde ganhou experiência e influência, além de dar continuidade nos estudos musicais. Em 2014, iniciou seu voo solo na carreira autoral.
Com dois singles e um videoclipe lançados, Lívia Já se apresentou em eventos como o Ensaio Aberto Ná Figueredo, Barzarte, Casa Aberta Se Rasgum, Quarta Autoral Old School e Projeto Belém Cidade Luz da Amazônia, todos com repertório completamente autoral. Atualmente Lívia está em estúdio na gravação de seu primeiro EP, a ser lançado em maio deste ano com produção musical de Fabrício Bastos.

91. 98364-2725
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
facebook.com/liviamendesmusic
soundcloud.com/livimendes

 

 

RAFAEL AZEVEDO

Rafael Azevedo, músico contrabaixista e produtor musical, com aproximadamente 20 anos de carreira. Lança agora seu primeiro CD instrumental de funkmusic, mais voltado ao funkjazz. Como amante da música que é, fez uma coletânea ao longo desses 20 anos, para produção do seu CD, com a participação de vários músicos que colaboram também para a concretização deste tão almejado sonho. O CD terá um tom bem dançante, com influências de Herbie Hancock, Jaco Pastorius, Black in rio, entre outros.Também conta com uma regravação da música "Marmota" de Pedrinho Callado.
Será lançado, no primeiro semestre, um EP virtual com três faixas.

91. 99170 2279
Instagram: @rafaelazevedomusic
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

PZZ Tv

 



Revista PZZ

Edição n.21

Copyright © 2015 Editora Resistência. Todos os direitos reservados.

Web Designer Elson Andrey Souza Anjos